Pesquisar no blog

sexta-feira, 27 de fevereiro de 2009

Sem comentários!....

PARA CARLA PEREZ E EX-PASTOR CAIO FÁBIO, CARNAVAL E DARWINIANISMO SÃO ´PRESENTES DE DEUS´, RESPECTIVAMENTE!!



O ex-pastor e psicanalista Caio Fábio escreveu em seu site: "Comemoram-se os duzentos anos de Charles Darwin e de sua Teoria da Evolução das Espécies. Até ele a criação era vista como algo fixo, sem mudança desde o 6º Dia da Criação. Em momento algum, todavia, a Bíblia diz que o Pai já não cria e nem trabalha... Ao contrário, Jesus disse: 'Meu Pai trabalha até agora...' Os cristãos querem um Deus que intervenha na vida, mas não querem um Deus que continue criando... Sim! Querem um Deus de milagres para o homem, de criações novas para o homem; mas que não seja milagroso na criação. E mais: fazem diferença entre Jesus curando e criando um olho em um cego de nascença e Jesus criando um órgão em um peixe no fundo do mar...

"Assim, se são informados que animais estão ainda mudando e evoluindo, ganhando novos membros ou órgãos de adequação à vida, acham que isso seja blasfêmia. Deus criou em Dias Eras de tempo e de não tempo. Cada dia do Dia de Deus é feito de bilhões de anos humanos?... Por que não? Quem declarou tal impedimento? Deus não sofre o tempo; posto que o tempo exista Nele. (...)

"Uma coisa é o Autor. Outra a Obra. A fé lida com o Autor. A ciência lida com as Obras. Qual é o problema? Até no quintal de minha casa vejo as coisas mudando, se adaptando... (...)

"Entretanto, eu pergunto: E qual é o problema? Darwin não é meu inimigo. Celebro sua ousadia e fé. Todavia, lamento que os crentes tenham endiabrado o homem (...)

"Muito assustará os crentes quando e se virem, no Reino de Deus, Charles Darwin, Einstein, Newton, Copérnico, entre outros... – enquanto muitos bispos estarão de fora... Enquanto isto... o obscurantismo perdura.

"Já imaginou se Deus está interessado na briga entre criacionistas e evolucionistas? Ah, meus amigos, sem medo eu lhes digo que Ele não está. Assisto documentários sobre a Evolução das Espécies e me deleito no amor de Deus! Todavia, para mim, não há diferença se os 6 dias foram dias pequenos, mínimos de tempo ou se foram bilhões de dias e anos...

"Entretanto, e se um Dia se tornasse um Dia apenas quando cada processo estivesse parcialmente concluído a fim de iniciar um outro... Dia? Qual o problema? Você está com pressa? Não estou pedindo a sua opinião. Apenas expresso a minha. Afinal, quem pensa que cheguei aqui sem milhões de horas de oração e reflexão?"

Nota do jornalista Michelson Borges: conheço muitos cientistas e pesquisadores criacionistas cujas pesquisas se baseiam em dados que não vêm de observações feitas no quintal de casa... mas vêm da ciência, da racionalidade, da análise fria e imparcial de dados. Dos avanços científicos mais recentes, dos dados de genoma, da bioquímica, da química, dados científicos de fronteira. Esses dados mostram, agora de uma forma extremamente clara e inconfundível, como Deus criou. Não conhecemos exatamente todos os mecanismos, mas uma coisa sabemos com certeza: Ele não usou a evolução! Muitos aspectos do darwinismo ainda se sustentam graças à força da propaganda, pelas muletas e escoras do naturalismo filosófico. O que Caio Fábio escreveu mostra, infelizmente, que as muletas e escoras não são só colocadas pelos naturalistas filosóficos, mas que o obscurantismo infelizmente se alastrou e se instalou também entre cristãos. Guardadas as devidas proporções, o que o ex-pastor faz (cristianizar o darwinismo) é semelhante ao que a dançarina Carla Perez fez neste Carnaval. Deu no Terra: “A ex-dançarina do ‘É o tchan’ Carla Perez comemora 10 anos de seu bloco infantil ‘Algodão doce’, que neste ano tem o tema ‘Algodão doce no mundo encantado’. Sob um sol escaldante, a loira abriu o bloco, [no] sábado, 21 com a música evangélica ‘Entra na minha casa’. Vestida com uma fantasia de Minnie, ela falou sobre o desfile. ‘Estou arrepiada. É um presente de Deus’, disse a loira, que rezou o Pai Nosso antes de começar a folia.” Que tempos estes, hein?! Evolução biológica e Carnaval agora são “presentes de Deus”...[MB]

Fonte: Criacionismo

NOTA: A questão levantada pelo Caio Fábio é esdrúxula. Não é porque alguns bispos corruptos não vão entrar no Reino de Deus que cientistas têm de entrar, pelo simples fato de serem cientistas. As produções científicas de alguns contrastam com sua pobreza moral, como vários que defendiam os padrões eugênicos de iniciação científica, como é o caso do próprio Darwin, admirado pelo ex-Pastor Caio Fábio, "por sua ousadia e fé". Caio está com problemas, e como no Brasil consegue-se reverter facilmente a moral, de tal forma que o acusado torna-se acusador e o miserável e imoral torne-se uma espécie de ´padrão´, então parece-me que criticar os posicionamentos existencialóides de Caio Fábio está virando (novamente) quase que algo inadmissível. Ahhhh, faça-me o favor!....

Em Cristo Jesus,
Pr. Artur Eduardo

Em Cristo Jesus,
Pr. Artur Eduardo

3 comentários:

Mayalu Moreira Felix disse...

O Caio Fábio já sabe quem estará no céu e quem não estará, esse homem é um portento espiritual. Ele, que gosta de ameaçar e difamar as pessoas, certamente pode criticar quem quiser.

Um homem que escrevia livros sobre a unidade familiar em Cristo enquanto mantinha relações sexuais com a secretária pode se candidatar a moralizador do ambiente evangélico, determinando que muitos bispos não vão para o céu (!). Talvez ele seja um dos líderes religiosos que não vai, né? Quem sabe...

Acredito, mesmo, que ele deveria ter usado as "milhões de horas de oração e reflexão" quando se dispôs a fazer tudo o que fez, lançando o nome de todo um grupo religioso na lama para posar de homem sábio, hoje em dia. Há bispos que pecam, mas Caio Fábio não pode apontar o dedo para nenhum deles. Fica caricato, inclusive, porque é ridículo ver o sujo falar do mal lavado.

Caio Fábio se tornou um chato esotérico, sem moral nenhuma para nada, mas adora escrever textos como esse, cheios de falhas lógicas de argumentação e idéias que, no mínimo, vão contra a Bíblia.

Neilton disse...

Cai o Fábio mais uma vez no meu conceito.

Rinaldo andrade disse...

acho o criacionismo mágico uma besteira. Como Deus poderia tocar na materia sem destrui-la? A criação levou uns seis milhoes de dias e pronto.

Ofertas Exclusivas!!!!