Pesquisar no blog

segunda-feira, 4 de março de 2013

Escola ensina bruxaria em São Paulo

INSTITUIÇÃO FORMA "BRUXAS" E INTITULA-SE "UNIVERSIDADE"


A
Casa de Bruxa, localizada em Santo André/SP, tem se popularizado por ensinar adolescentes a se tornarem feiticeiras. São aulas de botânica, astronomia e culinária. O custo é R$ 1.876 a cada 13 lunações, cerca de 4 meses. O total são necessário são 2 anos para se obter o diploma. Com o nome oficial de Universidade Livre de Holística, a Casa da Bruxa vê sua popularidade crescer por causa de livros e filmes que mostram bruxas e seres sobrenaturais como heróis, caso das séries Harry Potter, Crepúsculo e “Dezesseis Luas”, que estreia hoje no Brasil. Laura Regina de Santana, 18, e Larissa Miotto, 16, são estudantes da Universidade. A mais velha diz que começou a estudar bruxaria após participar de um ritual e ler os livros ‘As Brumas de Avalon’. A mais nova teve influência dos pais. “Minha mãe é bruxa e meu pai é mestre de reiki”, conta a reportagem do IG.


“Eu gosto de bruxaria desde que eu me entendo por gente”, acrescenta, enfatizando que frequenta a Casa de Bruxa desde que nasceu, mas só se tornou aluna oficialmente ano passado. Segundo as adolescentes, elas são constantemente alvos de brincadeiras maldosas de pessoas que não aceitam sua opção. “Quando ficam sabendo que sou bruxa, os meninos começam a falar: ‘Nossa, sai daqui. Amarrado em nome de Jesus’”, lamenta Larissa. “Já me perguntaram se eu faço um pacto com o demônio, se eu ofereço coisas para ele”. “Há pessoas que fazem coisas ruins, mas a maldade está nelas e não na bruxaria”, diferencia Larissa.
Todos os meses, as bruxas fazem celebrações para a Lua Cheia. Além disso, fazem seus feitiços “do bem” e cuidam de seu altar individual de bruxa. “Ele é meio como se fosse a nossa vida, então, quando você o organiza, é como se arrumasse ela também”, explica a aprendiz. Todos os estudantes da Casa de Bruxa usam capa, caldeirão, varinha mágica e chapéu. Mas a escola enfatiza que só pode frequentar as aulas quem tiver a autorização dos pais. No final, elas passam por uma espécie de ritual de consagração, uma formatura em que receberão seu “nome mágico”, que é mantido em segredo.
Para os alunos, isso não é o mais importante. Afinal, eles acreditam que muita gente faz algum tipo de ritual mágico, chamado de simpatia. “Comer sete sementes de romãs no Ano Novo, por exemplo, é coisa de bruxa”, explica Laura. Ou seja, todos nós somos feiticeiros e nem sabíamos disso. Já para Larissa, “toda mulher tem um pouco de bruxa”.
Fonte: GP
NOTA: "E mostrou-me o rio puro da água da vida, claro como cristal, que procedia  do trono de Deus e do Cordeiro. No meio da sua praça, e de um e de outro lado do rio, estava a árvore da  vida, que produz doze frutos, dando seu fruto de mês em mês; e as folhas  da árvore são para a saúde das nações. E ali nunca mais haverá maldição contra alguém; e nela estará o trono de  Deus e do Cordeiro, e os seus servos o servirão.  E verão o seu rosto, e nas suas testas estará o seu nome.  E ali não haverá mais noite, e não necessitarão de lámpada nem de luz do  sol, porque o Senhor Deus os ilumina; e reinarão para todo o sempre. E disse-me: Estas palavras são fiéis e verdadeiras; e o Senhor, o Deus  dos santos profetas, enviou o seu anjo, para mostrar aos seus servos as  coisas que em breve hão de acontecer.  Eis que presto venho: Bem-aventurado aquele que guarda as palavras da  profecia deste livro. E eu, João, sou aquele que vi e ouvi estas coisas. E, havendo-as ouvido  e visto, prostrei-me aos pés do anjo que mas mostrava para o adorar. E disse-me: Olha, não faças tal; porque eu sou conservo teu e de teus  irmãos, os profetas, e dos que guardam as palavras deste livro. Adora  a Deus. E disse-me: Não seles as palavras da profecia deste livro; porque próximo  está o tempo.  Quem é injusto, faça injustiça ainda; e quem está sujo, suje-se ainda;  e quem é justo, faça justiça ainda; e quem é santo, seja santificado  ainda. E, eis que cedo venho, e o meu galardão está comigo, para dar a cada um  segundo a sua obra. Eu sou o Alfa e o Omega, o princípio e o fim, o primeiro e o derradeiro.  Bem-aventurados aqueles que guardam os seus mandamentos, para que tenham  direito à árvore da vida, e possam entrar na cidade pelas portas. Ficarão de fora os cães e os feiticeiros, e os que se prostituem, e os homicidas, e os idólatras, e qualquer que ama e comete a mentira. Eu, Jesus, enviei o meu anjo, para vos testificar estas coisas nas igrejas.  Eu sou a raiz e a geração de Davi, a resplandecente estrela da manhã". Apocalipse 22:1-15.

6 comentários:

Anônimo disse...

Boa noite. Ao ler a matéria publicada, diga-se de passagem (a foto que voce colocou no Blog é da minha filha), vi que V. Sa grifa em vermelho alguns termos para destacar as palavras Feiticeiro, Mestre em Reiki, Bruxa. Se não fosse por sua Nota colocada no rodape, aliás muito infeliz, não acharia que seria de cunho preconceituoso e intolerante. As escrituras sagradas encerram o assunto na sua crença, mas não se esqueça que existem outras crenças que não seguem a Biblia e que merecem respeito. Recordando a passagem biblica sobre quem é mais importante Jesus Cristo diz que o mais importante é o mais humilde. Não se esqueça que ele foi visitado por tres reis Magos (feiticeiros), multiplicou o pão, transformou agua em vinho, ensinou a magia da trasmutação, ressucitou Lazaro (necromancia) e fez vários milagres, mas acima de tudo pregou a paz e o amor. Não se esqueça que no antigo testamento no pentateuco verificamos que Moisés quando atravessou o mar vermelho recebeu ordem de Deus para erguer seu cajado (vara mágica). Entendo perfeitamente que a sociologia na parte que trata da natureza do homem em sociedade, mostra que ele por si só é celetista (gosta de excluir as pessoas para ser o melhor). Não coaduno com esta idéia, acho que todos ocupamos espaços iguais. Voltando ao tema, sob analise juridica entendo que nossa Constituição Federal trouxe o estado Laico (visivel em seu preâmbulo - estude ela), e aproveita e le o seu artigo 5°, é muito bom e esclarece a mente dos mais ignorantes, principalmente daqueles sedentos em saber que existe a liberdade de culto, e crença. Passando pelo direito penal, quando se trata de fato tipico e antijuridico, não me lembro de Feitiçaria, Bruxaria, Outra religião ser crime a não ser que as pessoas utilizem essas praticas para iludir as pessoas (tipo de 171 melhorado, rs) cujo crime seria de Charlatanismo.
Mas terminando minha analise. Com base na Lei, vi que a imagem de minha filha (foto das duas meninas) esta vinculada a esta nota (infeliz por sinal) e aos grifos dando a entender que elas são do mal, excluidas da seara de Deus, de seu Reino e que estão perdidas. Por favor, inicialmente peço que repare este pequeno detalhe de forma amigavel, ou serei obrigado a seguir por outros meios legais.
Paz em Cristo
Que a Deusa esteja sempre com voce
Hare Om
Denilson (Pai de Larissa Miotto) Mestre em Reiki (grifado em vermelho por V. Sa)

Artur Eduardo disse...

Prezado sr. Denilson. Primeiramente, destaco que a reportagem, por nós re-publicada, é de autoria do site "Gospel Prime", cujo link esteve e está presente no blog. Ao reproduzirmos o artigo, o fizemos na íntegra, sem quaisquer acréscimos. O fato de destacarmos alguma frase não muda em nada o conteúdo intelectual do mesmo.

Em segundo lugar, da mesma forma como vc se sentiu "ofendido" por algo que leu no artigo, também posso alegar ter me sentido extremamente ofendido por vc associar a pessoa de Jesus Cristo com "magia" e "feitiçaria", como vc insinuou em seu comentário, o qual fizemos questão de publicar. Dizer que Jesus foi visitado por "feiticeiros", quando criança, é desconhecer o que a Bíblia diz. A palavra "magoi" (de ondem provém as palavras "mago" e "mágico"), no contexto, sugere o ofício de "astrólogos". Não preciso lembrar de que, naquela época, "Astrologia" e "Astronomia" fundiam-se, sendo os "astrólogos" ("magoi") responsáveis por estudarem os movimentos dos astros - e nem sempre os associavam às supostas influências que teriam nas vidas humanas.

Em terceiro lugar, após a reprodução da reportagem do "Gospel Prime", emitimos uma nota em que CITAMOS UM TEXTO BÍBLICO. Não fizemos qualquer tipo de "associação", como o senhor sugere, dizendo que "A" ou "B" será ou não será salvo... irá ou não para o inferno. Isto competirá a Deus julgar. A palavra "feiticeiro" ("pharmakeiós"), no contexto do Apocalipse, sugere pessoas que utilizam-se drogas alucinógenas para chegarem a estados alterados de consciência. Também refere-se àquelas pessoas que se utilizam de magia para prejuticar as pessoas, etc. Bem, repito, apenas citamos a BÍBLIA, sem afirmarmos, em lugar algum do post, que alguém (especificamente) irá ou não para o inferno. Esta associação quem fez foi o senhor e se o senhor ligou a magia negra a quem quer que seja, isso se deu por uma leitura sua. Conhecemos bem o que diz o artigo 5º da Constituição Brasileira, sr. Denilson. E é por conhecê-lo que sabemos que não o infringimos, posto que prezamos, sim, pela liberdade de crença, de consciência, e somos contra qualquer prática discriminatória. Como CIDADÃOS, devemos nos tratar com RESPEITO, EQUIDADE e, baseando-nos nestes princípios constitucionais, valemo-nos de nossa LIBERDADE DE CRENÇA (o que ainda existe em nosso Estado Democrático de Direito) para emitirmos nossa opinião em relação a PRÁTICAS RELIGIOSAS, confrontando-as com o que a BÍBLIA diz. Ora, se a Bíblia é considerado como o MANUAL DE FÉ E PRÁTICA de milhões e milhões de ocidentais, então milhões e milhões fazem coro comigo, no que foi dito....

Artur Eduardo disse...

Em quarto lugar, sugiro que vc tente interpretar de uma forma mais adequada os textos sagrados. Ora, se a BÍBLIA condena a feitiçaria, algo ensinado nos ANTIGO E NOVO TESTAMENTOS, vc acha "Jesus era um (realmente) um ´feiticeiro´"? Confundir atos miraculosos, "sinais" ("semeión", no grego) e prodígios que, de acordo com o contexto bíblico, restringem-se à ação miraculosa do Espírito Santo de Deus com "feitiçaria" é um ultraje, uma afronta ao que os cristãos professos em todo o mundo creem! O ato de "ressuscitar" Lázaro em absoluto configura-se "Necromancia", que é a "arte da advinhação do futuro através dos mortos", conforme bem registra, por exemplo, o Dic. Aurélio (http://www.dicionariodoaurelio.com/dicionario.php?P=Necromancia). Vc se engana vertiginosamente quando diz que Jesus, ao ressusctiar Lázaro, agiu como um "necromante". Aliás, a BÍBLIA fala da necromancia, condenando-a segundo o juízo divino (Lv. 20:26-27).

Finalizamos este comentário dizendo que retiramos a foto que havia no post, assim como o fez o site "Gospel Prime", de onde havíamos retirado a imagem, assim como todo o artigo. Respeitamos, como cidadãos, sua crença. No Brasil, temos plena consciência de que este direito é constitucional e inviolável. E é por defendermos este direito constitucional que reiteramos o que dizemos, pois cremos que, conforme a BÍBLIA nos orienta, (Efésios 6), devemos lutar contra hostes espirituais enganadoras e maldosas, que tentam ludibriar os homens, e que, na existência das quais cremos. É-nos assegurado também, pela Constituição Federal, o pleno direito à liberdade de pensamento e expressão, pelo qual podemos citar textos bíblicos, uma vez que os tais constituem-se na base da fé (repito) de bilhões de pessoas ao redor do planeta, sendo a base doutrinária para aquela que é a maior religião do mundo, na atualidade, o Cristianismo.

Por fim, em momento algum nenhum dos membros da equipe do blog Fatos em Foco alegou que "bruxaria é ou feitiçaria é crime" ou algo parecido. Reproduzimos um artigo e, por fim, citamos a Bíblia, sempre nos referindo a PRÁTICAS, nunca a PESSOAS. As muitas possíveis associações cabem a cada cidadão civilmente capaz, consciente e com o mínimo de discernimento necessário para tal, inclusive com a capacidade de discernir que, num debate, argumentamos contra ou a favor de idéias, não necessariamente de pessoas. Deus abençoe sua vida e a de sua família.

Equipe do Blog Fatos em Foco

Anônimo disse...

Nao estou convencido de suas alegações. Sugiro que retire do site a foto de minha filha. Quanto a questões filosoficas deixo que voce as interpretes da forma que quiser. A imagem de minha filha esta sendo exposta. Tambem me senti ofendido com os grifos. Quanto ao Gospel Prime, ja me entendi com eles. Tenho-o como uma pessoa, e se quiser poderemos interpretar essas suas alegações em outra instancia. Retire a foto de minha filha enquanto é tempo ou irei as tribunais e discutiremos lá. Nao inverta o onus da prova.

Artur Eduardo disse...

Ninguém está "invertendo" nada. Sentimo-nos ofendidos, sim, com suas alegações infundadas sobre Jesus Cristo. Não há "questões filosóficas" a serem interpretadas... há o bom e o mau exercícios da hermenêutica bíblica.

E, como já dissemos e fizemos, a foto de sua filha foi retirada. Diferentemente do que o senhor claramente alega em seu último comentário, não estamos nos referindo a "pessoas", mas a determinadas práticas que, na perspectiva cristã, são condenáveis aos olhos do Criador.

Atenciosamente,

Equipe do Blog Fatos em Foco

Anônimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.

Ofertas Exclusivas!!!!